Decoração de escritório: 8 dicas para acertar em cheio

Decoração de escritório: 8 dicas para acertar em cheio

Você já pensou que a decoração do escritório pode ter uma importância que vai além da estética?

A maior parte das pessoas passa mais tempo no ambiente de trabalho do que na própria casa.

Dessa forma, é muito importante criar um ambiente seguro, confortável e produtivo, que seja adequado ao bem-estar de todos os colaboradores.

São muitos os fatores que devem ser levados em conta quando se pensa em um ambiente de trabalho saudável e produtivo.

Grande ou pequeno, um escritório precisa ser decorado de forma que exiba a cultura organizacional da empresa e do profissional autônomo, mantendo sempre as características de funcionalidade.

Diante disso,  trazemos oito dicas para a decoração do seu escritório.

Atente-se a elas.

 

1 – Beleza e funcionalidade

Ao pensar na decoração do seu escritório, é preciso ter em mente que, além de beleza e estilo, o espaço precisa ser funcional.

De nada adianta móveis e acessórios lindos se, de alguma forma, dificultarem a circulação das pessoas ou se atrapalharem a execução das atividades.

Quem já não se deparou com mesas lindas, mas com pés que atrapalham o usuário ao se posicionar para o trabalho; acessórios estilosos que não resistem ao uso diário; persianas sofisticadas que emperram ao abri-las; armários modernos por fora e pequenos por dentro; plantas que crescem demais e invadem a área de trabalho….?

Por isso, pense bem em cada peça que vai compor o ambiente, não só pelo aspecto estético, mas também sobre a função de cada uma delas.

 

2 – Organização é fundamental na decoração do escritório

Independentemente do tamanho do seu escritório, a organização do espaço precisa ser priorizada.

Móveis e acessórios corretos podem tornar o ambiente mais produtivo, principalmente quando há pouco espaço.

Opte, por exemplo, por mesas que podem ser conectadas umas às outras para se transformarem em estações de trabalho, facilitando o trabalho em grupo.

Utilize as paredes com nichos, estantes e prateleiras.

Nestes locais é possível colocar acessórios importantes para a rotina do seu negócio, além de objetos de  decoração.

Utilize caixas organizadoras, porta-objetos, suporte para monitores  (avalie os modelos para dois monitores) e transforme um escritório em um local organizado, elegante e produtivo.

 

3 – Utilizando cores na decoração do escritório

As escolhas corretas da paleta de cores é um grande coringa na hora de decorar o seu escritório.

Ao utilizar cores como branco, bege, gelo, cinza, marrom e preto, você estará criando um ambiente neutro, que dará a sensação que é maior que realmente é.

Adicione alguns pontos de cores vibrantes e você terá um escritório muito estiloso.

Cores vibrantes, como vermelho e amarelo, estimulam a criatividade e energia, mas podem causar ansiedade e estresse se usadas em excesso.

Tons de azul ou verde são considerados mais relaxantes.

Vale ressaltar que estas sugestões são apenas dicas e não verdades absolutas, já que a escolha de uma determinada cor depende do tipo e da personalidade do seu negócio.

Uma boa sugestão é contratar um designer de interiores para ajudar na escolha dos tons para a decoração do escritório.

 

4 – Na iluminação, aproveite a luz natural

iluminação para decoração de escritório

Ao pensar no projeto para decoração de seu escritório, sempre que possível, utilize a iluminação natural como uma aliada.

Ela é benéfica para economizar com energia elétrica; auxilia na decoração, destaca a paleta de cores, e torna o ambiente mais agradável.

Na hora de dispor os móveis pelo espaço, coloque-os em lugares em que sejam imersos pela luz natural no maior tempo possível.

Só cuide, no entanto, para que os raios solares não incidam diretamente sobre as pessoas, o que pode acabar incomodando.

O sol também não deve incidir sobre móveis, pois pode descolorir acabamentos ou danificar componentes.

A utilização de persianas ou cortinas são ideais para controlar a intensidade de luz que você quer deixar entrar.

Além de todos os fatores citados, em ambientes com iluminação natural as pessoas se sentem mais estimuladas e ativas no trabalho.

Não se esqueça, no entanto, de investir em boas luminárias e lâmpadas para usar quando for necessário. Lembre-se também: as de LED tendem a ser mais econômicas.

 

5 – Paisagismo como elemento de decoração do seu escritório

As plantas podem ser usadas para harmonizar e decorar seu ambiente de trabalho.

O uso de plantas, aliás, é defendida na Biofilia, a qual prega que os ser humano tem uma necessidade latente de se relacionar com a natureza.

Isso, por conta de que, ao longo da história, vivemos muito mais perto da natureza do que nos centros urbanos.

Há até estudos comprovam que plantas em escritórios diminuem o estresse e aumentam os níveis de criatividade e concentração em quem trabalha próximo a elas.

Utilizar vasinhos em mesas, nichos ou estantes, ou jarros ou vasos maiores espalhados pelo ambiente pode ser uma opção prática na decoração que atende aos conceitos da Biofilia.

Cactos, suculentas, orquídeas, antúrios, samambaias e palmeiras valorizam o ambiente  e conectam as pessoas com a natureza.

O critério na escolha dos tipos e quantidades de plantas é uma regra que deve ser observada. Em se tratando de decoração, menos é sempre mais.

Cuidado com opções que acabam crescendo muito.

 

6 – Utilizando os móveis corretos

imagem de móveis de escritório

A escolha de móveis corretos é indispensável para contribuir com a decoração do escritório.

Eles devem refletir o compromisso e o respeito da sua empresa com seus clientes e funcionários.

Devem ser ergonômicos, além de bonitos e confortáveis.

O primeiro passo é garantir que o tamanho e a largura destes móveis sejam condizentes ao espaço e não atrapalhem a circulação das pessoas.

Mesas, estações de trabalho, poltronas, cadeiras, estantes, gaveteiros, divisórias e acessórios devem ser adquiridos considerando principalmente a funcionalidade, e não apenas o preço.

O ideal é buscar um fabricante que tenha, além de qualidade e preço, linhas versáteis, robustas e com design que atenda ao seu tipo de escritório.

Também é interessante pedir a ajuda dos consultores de venda das lojas para que indiquem as linhas e peças mais apropriadas ao seu nicho de atuação.

Em um escritório de advocacia, por exemplo, podem não ser indicadas linhas mais ousadas ou descoladas, ao passo que em um escritório de publicidade não vão ficar bem linhas mais conservadoras.

Você precisa deixar muito claro na compra qual o estilo que pretende dar ao ambiente em que trabalha e recebe pessoas.

 

7 – Objetos de decoração

Os objetos utilizados na decoração também devem estar diretamente ligados ao estilo do seu negócio.

Ao escolher quadros, vasos, luminárias de mesas e quaisquer outros itens pense se vão harmonizar com a imagem que a sua empresa transmite – ou que você quer transmitir – aos funcionários e clientes.

Se você tem uma clínica na área de saúde, não vai cair bem um objeto que remeta a uma caveira, por exemplo.

Evite exageros. Muitos objetos com estilos diferentes podem poluir o ambiente.

É fundamental que haja uma harmonia entre itens, cores e estilos.

 

8 – Atente-se a cabos, fios e tomadas

Cabos, fios e tomadas expostos são grandes poluidores do ambiente e ainda podem causar acidentes.

Utilize organizadores e enroladores de cabos, canaletas e abraçadeiras para organizar tudo.

Se não for viável manter seus equipamentos próximos a tomadas, é possível instalar canaletas, ganchos ou armações que prendam os fios embaixo da mesa.

Uma boa dica é investir em móveis que tenham soluções para alojar equipamentos e para o gerenciamento dos cabos.

Gostou das dicas? Continue navegando pelo nosso blog para saber mais.

 

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

Translate